quarta-feira, 11 de março de 2009

QUERO LEVAR MEU FILHO!!!!!



Amigos Tricolores,

A Nação Tricolor está muito feliz com sua nova casa, com seu CALDEIRÃO apelidado de PituAÇO. O estádio é lindo, é confortável e vai quebrar o galho até que a NOVA FONTE fique pronta (sabe Deus quando!!!). O Esquadrão de Aço está imbátivel, já fez 6 partidas no local e venceu todas. Não é a toa que tudo é festa e a média de público do Bahia é de 16.119 pagantes por jogo (e olhe que o ingresso custa R$ 20,00 e não tem meia entrada).

Na nova casa tricolor, um fato está chamando a atenção de todos: a enorme presença de mulheres e crianças nas arquibancadas, transformando o jogo do Bahia em um lazer para toda a família. Estamos na contramão de uma tendência... pois os estádios de futebol estão cada vez mais violentos e muitas pessoas de bem estão se afastando...


Nova Geração Tricolor: Tiago Enrique, Samara e Ícaro

Como nem tudo são flores, no último jogo em Pituaço, fui surpreendido na entrada ao ser abordado por um funcionário (não sei de onde) que, ao me ver com meu filho de 8 anos, me informou que a partir do jogo seguinte ele também pagaria ingresso. Ainda cheguei a perguntar se isso não era contra alguma lei existente... e lembro que questionei a inexistência de meia-entrada... uma criança vai pagar inteira?????!!!

Como era de se esperar, a repercussão da decisão foi péssima e toda a Nação Tricolor está pedindo que isso seja repensado. A torcida está contribuindo com o clube, tem prestigiado o time e tem ajudado a tirá-lo do vermelho... então nada mais justo do que ouvir seus apelos. Todos esperam que o Gestor de Futebol Paulo Carneiro entenda que, no Bahia, em certas situações, não poderá agir como agia no time de Canabrava, não adianta ir de encontro, querer bater de frente com toda a torcida...

Vamos torcer que o bom senso prevaleça e que a mudança não seja implantada. Já perdemos muitos torcedores por causa do fracasso tricolor na última década e não podemos vacilar mais. Além de voltarmos a ganhar, tem que ser feito um trabalho de marketing com a nova geração que está surgindo e nada melhor do que facilitar a presença de crianças no estádio para presenciar uma nova era, onde o BAHIA vencedor está de volta!!!

UPDATE (Pedro Cordier):

Quero chamar a atenção para um detalhe... segundo a LEI Nº 10.029 DE 26 DE ABRIL DE 2006 - BAHIA, que regulamenta a meia-entrada na Bahia, lá no parágrafo 3, encontramos:

§ 3º - Em caso de preço promocional, fica também assegurado o pagamento de metade do valor efetivamente cobrado para o ingresso.

Ou seja, se Paulo Carneiro não entender que o "pior inimigo do BOM NEGÓCIO é o ÓTIMO NEGÓCIO", vai ter problemas, pois, estamos aceitando e colaborando com um ingresso de valor quase 3 vezes maior que o do Vice... só que não vamos aceitar exploração!!

Cadê o diálogo com a Torcida?? Aqui não é o time de Canabrava em que ele mandava e desmandava à revelia do que a torcida achava!!

Se ele tesar, vamos encabeçar uma campanha para assegurar o direito de meia-entrada em PituAÇO...

Como foi colocado no início do texto, o Bahia precisa ter sensibilidade e ver que estamos colaborando... MAS NÃO VAMOS SER EXPLORADOS!!

37 comentários:

Vinícius disse...

Verdade Euclides,

É descabida essa decisão que a diretoria do Bahia pode estar por tomar. Imaginem só a criança ter que pagar 20 reais para assistir aos jogos do Bahia.

Eu até acho que deve pagar, mas deve ser um preço bem menor nesse caso. Explico porque acho que deve pagar: crianças de até 5 anos ainda setam no colo e, por isso, não precisa pagar ingresso. Mas crianças acima dessa idade, já fica mais complicado. Imaginem se um pai tiver que levar 2 ou 3 filhos com mais de 5 anos para o estádio... em jogos com grande apelo de público seria muito complicado. Então, acho que as crianças acima de 5 anos realmente devem pagar ingresso. Agora, deve ser estipulado um valor de meia entrada para elas. 20 reais para uma criança de 6 ou 7 anos é inaceitável. Se até quem tem 18 anos deve pagar meia entrada, por lei, uma criança não pode pagar o mesmo preço do adulto.
Acho que a diretoria deve repensar isso ai.

Marcão Tricolor disse...

Gostaria de dar uma sugestão à Pedro e Euclides.

Como sou fã deste blog, e acho que este seja hoje o maior espaço para debate de idéias dentre as comunidades tricolores, levanto a hipótese de estabelecermos um intervalo para a edição de novos posts.

Apesar do dinamismo das informações trazerem "acompanhamento em tempo real" das situações vividas pelo Esquadrão, esse mesmo dinamismo acaba por prejudicar o desenvolvimento das idéias acerca dos temas aqui debatidos.

Como citei nas linhas anteriores, este espaço é hoje o maior veículo de debates entre torcedores, e a troca permanente de posts acaba por prejudicar as discussões.

Acho que talvez temas diários permitissem um desenvolvimento do debate mais proveitoso para o time (Claro que situações excepcionais permitiram que esta "regra" fosse quebrada).

Como a atual gestão vem se mostrando aberta à participação da torcida, acho que o Sempre Bahia tem grandes chances de levar idéias para dentro do clube. O quê vocês acham?

Mônica disse...

Concordo inteiramente com a idéia do Marcão. Algumas vezes quero deixar meu comentário em algum post, aí começo a construir um texto em cima dele e pra minha surpresa este já foi ficando pra trás, pela dinâmica desse meio virtual, mas ainda assim poderia "espaçar" entre um post e outro, salvo em algumas situações que isso não possa ser seguido. acho essa idéia interessante. Há muito venho pensando nisso.
Valeu Marcão! Acho pertinente seu comentário. Abraço ao pessoal do Sempre Bahia.

Mônica disse...

Ah, e sobre criança pagar ingresso acho justo. Mas que seja um preço diferenciado. Não pode é igualar ao de um adulto.

Marcão Tricolor disse...

Valeu Mônica! Fiquei receoso de início em fazer esse comentário, mas acredito que a idéia tenha sido compreendida! Não critiquei com o intuito exclusivo de criticar, mas sim de ajudar o blog a evoluir, se estabelecendo como um espaço de idéias Tricolores.

Quanto à ida de menores ao estádio de Pituaçu, concordo com Euclides.

Conforme já havia comentado num post anterior, seria um retrocesso proibir a entrada gratuita de pequenos torcedores.

Os menores, sempre irão acompanhados, o que por tabela faz com que seus acompanhantes paguem as entradas.

Além desse fator, ainda tem a questão de trazer novos torcedores para o Bahia (que inclusive foi tema ontem da entrevista na rádio metrópole, concedida pelo diretor de marketing no programa das 23:00).

Aeronaves disse...

Isso é sério mesmo? 20 reais por cirança?!

Marcos ☜ΛﻜΛ☞ disse...

Eu sou a favor de se estipular preço por faixa etária.

Adultos 20,00

E preços compatíveis com a idade da criança/adolescente.
De graça eu não axo q seja viável até pq o estádio é pequeno pra nossa torcida e várias crianças tomariam o espaço de quem poderia estar contribuindo financeiramente pro clube.

De graça então poderiam fixar uma quantidade de ingressos e limitar a quantidade de crianças por adulto pagante. Quem sabe até usar o projeto: "SUA NOTA É UM SHOW" pra ingressos de meia entrada q seriam liberados somente pra crianças/adolescentes com identidade

Delson Alcantara disse...

Concordo plenamente com Marcão e Mônica, por vezes o dinamismo do blog deixa em aberto algumas questões que poderiam ser mais debatidas. Sobre a cobrança de ingressos para maiores de 5 anos acho um verdadeiro "tiro no pé", acho que deveriam se procurar outros meios para a entrada danova geração tricolor no caldeirão. Não se esqueçam que "enquanto existir uma criancinha Bahia, o Bahia sera imortal.
Saudações Tricolores!

júnior disse...

Excelente texto e ótima idéia Marcão. Já passei por esse problema também Mônica, deletando alguns comentários por ter perdido o "time". Implicações causadas pela velocidade da informação.

Como sugestão - devo confessar que não sou expert na área de informática - os assuntos polêmicos que demandariam mais tempo de discussão, a medida que fossem aparecendo, deveriam ter um espaço reservado fora do noticiário diário. Esgotado o assunto, passaríamos nossa opinião para a ouvidoria do clube, uma vez que a mesma tem se mostrado solícita em relação aos reclames dos torcedores.
Vale ressaltar que a discussão deve se manter em alto nível - o que tem sido demonstrado até agora por nós. Lugar de extravasar é em Pituaço.

Agindo desta maneira, estaremos dando nossa contribuição para o soerguimento e engrandecimento dessa paixão chamada BAHÊA!!!!

ST e BBMP!!!

Lucas disse...

Realmente em jogos de grande apelo é válida a medida limitando a entrada franca apenas pras crianças até os cinco anos, mas em jogos de menor apelo n custa liberar até os 12 anos como é de praxe.

Euclides Almeida disse...

Grande sugestão essa encabeçada pelo Marcão Tricolor... e nós concordamos plenamente!
Porém, temos a limitação imposta pelo sistema BLOG, onde uma informação sempre sobrepõe à outra. E, quando trata-se de notícias não temos como esperar para colocá-la no ar...
E essa é a principal motivação para estarmos empenhados na criação do novo SEMPRE BAHIA.

No novo projeto, haverá espaço para cada coluna (Notícias, humor, Opinião, Fique por dentro, Recordar é viver, etc.)... ou seja teremos várias coisas em destaque ao mesmo tempo e uma não precisará sobrepor à outra, havendo intervalo maior para debates mais aprofundados.

Muito obrigado mesmo Marcão, Vinicius, Mônica, Delson, Júnior e todos que vem dando grande força ao nosso trabalho.

Abelha disse...

Até concordo que crianças paguem porem um valor menor. Um país onde as pessoas são loucas por futebol, mas que ganham uma miseria...eh preciso repensar isto! A torcida do bahia MERECE que a diretoria reveja este assunto!

Pedro Cordier disse...

FIZ UM UPDATE NO TEXTO, PESSOAL!!

Taís Martorelli disse...

É um absurdo isso!
Estava pensando em levar minha enteada, para aproveitar um pouquinho mais com ela e me deparo com essa "novidade".
Com isso, perderemos mais torcedores...
E nem em cinema, criança paga inteira!!! Só rindo, para não chorar.

Bora BahêAAA!
Torcida tricolor, vamos nos unir para mudar essa situação!

Silvano Rios disse...

SIMPLESMENTE VERGONHOSO! COBRAR O MESMO PREÇO PARA CRIANÇAS, É UMA PUTA SACANAGEM...´QUE O BAHIA NÃO ACEITE ISSO! E TEM MAIS SACANAGEM AINDA, O FDP DO PREFEITOZINHO DESSA PROVÍNCIA CHAMADA SALVADOR, ACABOU DE LIBERAR CARGA MÁXIMA PARA O JOGO DE DOMINGO DO TIMECO DELE (VICETORIA DA BAHIA)...
QUANDO DIGO QUE ESSA MERDA AQUI É UMA PROVÍNCIA...DIGO COM TRISTEZA!

NADA DE AFASTAR CRIANÇAS DOS ESTÁDIOS...

Charles Bronson disse...

Carga máxima pro Vice... se encher, mostra que o Barra Lixo não presta... se não der ninguém, a porcaria da torcida não presta... de qqer maneira eles vão se ferrar...

Dalmo Carrera disse...

Um detalhe que deve ser considerado Euclides. ( se é que nao foi) O estádio tem assentos individuais, logo se a capacidade é de 34 mil pagantes, é possível que um dia o estádio mesmo lotado registre apenas um publico pagante de 17 mil, o que seria um absurdo. Haveria de ter um meio de caminho desta história.

Dalmo Carrera disse...

leia, nesta história

Mônica disse...

Para o Dalmo:
Excelente a sua observação... Não tinha pensado nisso. Isso ocorreria havendo gratuidade para as crianças, seu comentário foi perfeito. Em alguma oportunidade haveria mesmo um estádio visualmente lotado, mas só com metade do publico pagante, isso se cada torcedor levar uma criança (o que convenhamos é bem difícil).
Há de se chegar a um meio termo. Concordo que criança pague ingresso, como em outras praças esportivas Brasil afora. A questão seria não equiparar ao preço normal, de um adulto.
Parabéns Dalmo!

Anônimo disse...

É bom lembrar que o preço do ingresso não está vinculado ao entendimento do usuário sobre o que está ocorrendo ali. O preço do ingrsso está vinculado a ocupação do espaço.
Ainda domingo fui a Pituaçu, onde fiquei tinha um outro com tres crianças, eu levei mais um de 8 anos. Vamos ter que reoensar isso direitinho, não adianta brigar por brigar, tem que por os pés no chão quanto a isso e ver o que é melhor. Existe um forte movimento contra essa medida, sim, mas o movimento parte também de setores interessados em desagregar o Bahia, como a turma de Bocão e alguns da Rádio Sociedade da Bahia. Vamos com calma. Primeiro temos que buscar subsídios em outras práticas para entender.
Certamente que o Vitória vai continuar permitindo o acesso gratuito até 12 anos e vai inclusive daqui pra frente até divulgar muito isso como já está fazendo, mas não deve ser a nossa referencia.
Certamente que hoje após findo a partida do jogo entre vitória e madre de deus, dirão que a grama está excelente, mas não é por ai. A torcida do Bahia já engoliu muita isca, algumas foram necessáris outras no entanto não foram boas.
Recife - A partir de 5 anos;
São Paulo - Toda criança paga, menos as de colo;
RGS - Toda criança Paga;
Fortaleza - Só a partir dos 12 anos;
Paraná - Toda criança paga;
e por aí...
Quanto essa história de incluir PC nas nossas reivindicaçõs não é um bom negócio e ajuda a diseminar que o Bahia está fora do controle.
Pergunto: É isso? O Bahia está sendo manobrado po PC ou ele está trabalhando pelo Clube como queremos?
Fomentar discordia é muito fácil, peincipalmente para defender medidas populistas.

Pedro Cordier disse...

Último anônimo... a coluna OPINIÃO foi criada para isso, para dizer o que pensamos sem medo!!

Não nos escondemos no anonimato ou atrás de pseudônimos!!

Falamos o que pensamos.

Vamos por partes: a medida NÃO É POPULISTA!! Estamos argumentando sobre o apelo simbólico que a presença de crianças trará para a marca Bahia (quem é o futuro do Bahia?? Lembre-se que a molecada que tem menos de 10 anos não lembra do que é ser campeão...) e sobre a NÃO violência que essa presença leva aos estádios.

Quanto a Carneirão, vc esqueceu quem é ele? O que ele já fez no Vitória? A maneira autoritária com que ele enfiava suas idéias goela abaixo da torcida??

Aqui ele é funcionário? É, sim... mas se Marcelinho não tiver pulso firme a coisa pode desandar> Competente o cara é e já provou isso (não no Bahia ainda pq ainda não ganhamos nada...), mas, quem acompanha o SEMPREBAHIA sabe que sempre tive um pé atrás em relação ao comportamento rudimentar do Sr. Paulo Carneiro...

Obrigado a todos pela participação!!

VUMBÓRA, BAÊÊÊAAAA!!!

Tiago Enrique disse...

Gostei do post.
É isso aí.
Criança não paga nada.
Que roubo.

Igor Gago disse...

Cobrar r$20,00 de um torcedor mirim, é um absurdo...
Lembro muito bem da epoca em que eu nao pagava ingresso na Eterna Fonte Novo...meu deu motivo a mais para hoje, nao perder nenhum jogo no PituAÇO, indo a todos os jogos do Bahia na fonte...

Acho que ao invez de cobrar para nossas crianças, a diretoria tem que ter em mente que, elas nao pagando HOJE, amanha poderá ser um socio torcedor, ou algo a mais...

Pra mim, criança até 10 anos nao deveria pagar...

Bitencourt disse...

A diretoria deve entender que criança no estádio é garantia de torcedor fiel no futuro! Vou aproveitar o momento para alertar o seguinte: Campeonato Baiano sendo transmitido na TV é fundamental na redução de torcedores mirins do time do eixo e o aumento da torcida do Bahia. No mundo quem sustenta qualquer campeonato é a transmissão televisiva.

Delson Alcantara disse...

Ótimo o UPDATE que vc fez no post Pedro Cordier, assim ficamos sabendo que é ilegal essa cobrança feita pelo Bahia, mesmo assim no intuito de ajudar o clube aceitamos passivamente, como ja escrevi anteriormente acho essa medida um "tiro no pé". Mas não vale apenas criticar temos que deixar nossa opinião, ouvi muitas idéias a respeito, até gostei da idéia de cadastrar os torcedores mirins dias antes do jogo, mas acho que isso demandaria tempo que é uma coisa que muitos não tem, acho melhor a idéia de fazer a cobrança para maiores de 5 anos em jogos de maior apelo tipo BAxVices, a partir da terceira fase da copa do Brasil, etc. So acho um pouco subjetivo quando chegar o Campeonato Brasileiro, um campeonato de pontos corridos todos os jogos são decissivos e ai qual criterio será usado? Vou fazer uma sugestão para o Blog fazer uma enquete e mandar o resultado para a diretoria.
Saudações Tricolores!

Marcão Tricolor disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Marcão Tricolor disse...

Ótimos questionamentos trazidos pelos participantes.

Como Dalmo registrou, pode acontecer de em algumas partidas termos um público no estádio composto em sua grande parte por não pagantes, o que causaria prejuízos financeiros ao clube e resultaria no afastamento dos pagantes de ver o jogo devido à lotação do estádio (que é pequena).

No entanto, em jogos de pequeno apelo de público (como no baiano, e em alguns jogos da serie B, principalmente às terça-feiras), acho justo que a diretoria agraciasse a torcida Tricolor (QUE É O ÚNICO MOTIVO PARA A EXISTÊNCIA DESSE CLUBE) liberando o estádio para as crianças, mulheres (como no dias das mães, dia da mulher, dia dos namorados), idosos e todos aqueles que de alguma forma são minorias nos estádios, aproximando cada vez mais o público novo e antigo, do Bahia.

Importante lembrarmos que mesmo com criança não pagando, e capacidade total não liberada, ainda não conseguimos esgotar a carga total de ingressos!!!

Obs: Obrigado Euclides por aceitar as idéias que são lançadas pelos participantes do blog. Isso só faz com que nos sintamos cada vez mais a vontade para opinarmos e trazermos novos torcedores a participarem do Sempre Bahia.

Euclides Almeida disse...

Vamos por partes...

Em primeiro lugar, tem que haver um levantamento de quantas crianças (em percentual) estão comparecendo ao estádio.

Pode até ser cobrada a entrada de crianças, mas se realmente for comprovado que o percentual do público infantil é alto.

Mas, jamais, em hipótese alguma, deve-se cobrar o mesmo valor do adulto (que já está bem salgado)...

1.9Rafael disse...

Neste caso, pra mim, a melhor alternativa seria estipular um limite de ingressos (pode ser +/- 5.000 ingressos) para crianças de 5 a 12 anos, com valor de R$ 10,00 (seria a meia da meia!! eheheh), apresentando comprovação da idade na entrada do estádio.

Dalmo Carrera disse...

Rafael escreveu:

Neste caso, pra mim, a melhor alternativa seria estipular um limite de ingressos (pode ser +/- 5.000 ingressos) para crianças de 5 a 12 anos, com valor de R$ 10,00 (seria a meia da meia!! eheheh), apresentando comprovação da idade na entrada do estádio.

Eu também!

Dirk disse...

Pedro e Euclides.

Já tá na hora do Blog virar um site, rapidinho ele vai brigar diretamente com o EC Bahia, até por que o Blog é sempre atualizado com informações, e deixou de ser um meio apenas de discussão de opiniões, hoje pra mim ele é um excelente revista eletrônica do Bahia.

Euclides Almeida disse...

Valeu Dirk!
Estamos correndo contra o tempo para transformá-lo num site capaz de atender às expectativas da Nação Tricolor.

Dalmo Carrera disse...

to colado tbém no site.

Jeremias Cerqueira disse...

Vale ressaltar que tudo começou com uma notícia não oficial, apesar que se veio de uma pessoa que trabalha lá é porque alguma coisa tem ai.
As idéias que foram expostas são ótimas e todas elas podem ser utilizadas em um determinado momento pelo marketing do Bahia que esta aí pra trabalhar e analisar sempre idéias novas.
"Pelo menos deveria ser assim".

Anônimo disse...

É uma vergonha crianças pagarem inteira pra entrar em pituaço. Como já foi citado, elas mal sabem o que é futebol, apenas às levamos por entretenimento. Isso é uma VERGONHA!

Anônimo disse...

eu acho q criancas de 8 anos nao devem pagar, ate pq nunca viram o time ser campeao...
he uma pena

almeida disse...

E vai continuar vendo a mesmice, rsrsele não vai ser burro, e sim inteligente, sabe pq? Pq ele certamente vai torcer pra um clube de grandeza, quem sabe o rival?