quinta-feira, 11 de setembro de 2008

A.B.L. TAMBÉM APRESENTA PROPOSTA


A Assembléia Geral do Esporte Clube Bahia, que será convocada nos próximos dias, contará com mais uma proposta de alteração no estatuto do clube, a ser apreciada pelos sócios. Após o Acordo da Bamor/ Povão com os dirigentes tricolores e a proposta alternativa apresentada pela Revolução Tricolor, o grupo de oposição ASSOCIAÇÃO BAHIA LIVRE (www.associacaobahialivre.com.br) também deu sua colaboração e entregou, na Sede de Praia, as suas sugestões de mudanças. Confira:


Eleições diretas em 2008;
Redução do prazo de carência p/ o sócio patrimonial votar e ser votado (3 meses);
Redução do prazo de carência p/ o sócio contribuinte votar (6 meses);
Eleições proporcionais para o Conselho Deliberativo;
Redução do número de membros eletivos do Conselho Deliberativo (de 300 para 120).

Enquanto as notícias dentro de campo tornam-se cada vez piores, fora dele, as perspectivas animam a toda Nação Tricolor. Os grupos de oposição estão agindo e pressionando por mudanças profundas na estrutura do clube, tais como democracia e transparência, condições essenciais para re-erguer o Esporte Clube Bahia.

6 comentários:

Bruno disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Bruno disse...

É isso ai, precisamos estar todos devidamente focados no mesmo objetivo:


Modernizar o Esporte Clube Bahia, e cobrar transparencia!

Anônimo disse...

Que beleza!

IGOR PESSÔA disse...

Parabéns a ABL!

Precisamos pressionar e cobrar um Bahia democrático e forte!

ST!

Jorginho Caldas disse...

Gostei de ver! Parabéns à ABL, assim como a Revolução Tricolor. Esse é o caminho.
Bora Bahêa!!!

Anônimo disse...

Redução do prazo de carencia para 3 meses. Ou seja, uma fraude anunciada, já que qualquer grande burguês, dispondo de 100.000,00 compra títulos em nome de terceiros e com eles se elege Presidente do Bahia.
Essa não!
Não vamos resolver o problema do Bahia promovendo fraude.
Os Sócios precisam ser respeitados e não pode a todo momento quer mudar o jogo, quem não comprou o título antes que aguarde para exercer seus direitos respeitando os direitos dos outros.