terça-feira, 3 de março de 2009

PAULO CARNEIRO EXPULSO DO VICE



O Gestor de Futebol do Esporte Clube Bahia, o Sr. PAULO CARNEIRO passou a ter mais motivos ainda para tentar atropelar seu ex-clube: na noite de ontem, o ex-dirigente burro-negro foi EXPULSO (com 159 votos a favor e 1 contra) do Conselho do time de Canabrava.

8 comentários:

Anônimo disse...

deixa o bicho com mais raiva que é melhor. kkkk

Silvano Rios disse...

Bom pra ele...só quero que faça um ÓTIMO trabalho no nosso BAHIA!

Pedro Cordier disse...

Vou republicar aqui o cometário que fiz no Futebol Bahiano:

"Isso, PC... tira o resto de ranço que ainda lhe salpica as vestes...

Tira essa mancha negra (sem ofensas, por favor...) do seu currículo que sua vida vai ficar tudo azul e branco!!

Azul pelo futuro de Glórias que terás pela frente e branco da paz que vai imperar no seu futuro.

Agora conserva esse vermelho dessa paixão que tens pelo futebol, pois, essa cor é imprescindível para que, somada ao azul e branco, tornem a sua vida uma imensa alegria tricolor!!

Vumbora, Baêêaaaa!!"

Anônimo disse...

Só espero que o nosso "Conselho" não o torne conselheiro da noite pro dia com direito a votar e ser votado p/presidência do ECBahia pois ele não deixou de ser torcedor do time do "aterro" e no momento é um empregado do nosso Clube sendo remunerado pelos seus serviços o que nã deverá ser confundido pelos atuais "Conselheiros" do ECBahia.Lembre-se como empregado ele se sai melhor do que como dono.

Jeremias Cerqueira disse...

"De quem é a culpaaaa Euclidesss?"
rsrs

Euclides Almeida disse...

kkkkkkk
Minha é que não é....kkkkk

Bitencourt disse...

POR QUE NÃO PAULO CARNEIRO NO CONSELHO DO BAHIA?

Paulo Carneiro no conselho é sinônimo de BONS NEGÓCIOS para o clube. Eis um desafio: como criar um conselho qualitativo, democrático e com oposição forte(fiscalizando) ao mesmo tempo? É possível fazer esta mistura?

Uma idéia seria o bahia criar um Conselho de Administração somente composto por conselheiros qualificados e com formação em diferentes áreas de negócio e que não tivessem interesses políticos/econômicos no clube. Seria como um CONSELHO CONSULTIVO que ajudaria o clube a definir o seu futuro.

O problema mais grave do modelo atual é que o Conselho Deliberativo tem muitos vícios e é composto (em geral) por sócios muito antigos e com pouca visão administrativa.

Seria uma boa iniciativa da diretoria,colocar PC no conselho, mas estou aguardando a democratização em massa.

O Bahia dos meus sonhos seria: Um conselho, qualificado, apresentar dois candidatos (situação e oposição), e a massa de sócio-torcedores decidirem no voto. O candidato apresentaria seus melhores parceiros, e o povo votaria.

samuel disse...

ôôô carneiro tricolor!!!!!!!!