terça-feira, 17 de março de 2009

CRIANÇA DEVE PAGAR????


A polêmica do momento é a cobrança de ingresso nos jogos em PituAÇO para as crianças com mais de 5 anos. Lembrando que os blihetes dos jogos do Bahia custam R$ 20,00 e não tem meia entrada, ou seja, o pequeno torcedor pagará igual a um adulto.
Diante disso, o SEMPRE BAHIA colocou no ar uma nova enquete perguntando a opinião do torcedor. É importante a participação de todos, pois é uma forma de mostrar aos dirigentes, o que a Nação Tricolor deseja (esperando que isso seja levado em conta!!!).
ENQUETE: Sobre a decisão dos dirigentes tricolores de cobrar ingresso de crianças a partir de 5 anos, qual a sua opinião?
- Um absurdo, está espantando a formação de novos torcedores...
- Achei justo, criança ocupa lugar também...
- Tem que achar um meio termo e cobrar ingresso mais barato para criança...
Participe, votando na ENQUETE situada na barra lateral do site.

UPDATE (Pedro Cordier):
Quero chamar a atenção para um detalhe... segundo a LEI Nº 10.029 DE 26 DE ABRIL DE 2006 - BAHIA, que regulamenta a meia-entrada na Bahia, lá no parágrafo 3, encontramos:

§ 3º - Em caso de preço promocional, fica também assegurado o pagamento de metade do valor efetivamente cobrado para o ingresso.

Ou seja, se Paulo Carneiro não entender que o "pior inimigo do BOM NEGÓCIO é o ÓTIMO NEGÓCIO", vai ter problemas, pois, estamos aceitando e colaborando com um ingresso de valor quase 3 vezes maior que o do Vice... só que não vamos aceitar exploração!!

Cadê o diálogo com a Torcida?? Aqui não é o time de Canabrava em que ele mandava e desmandava à revelia do que a torcida achava!!

Se ele tesar, vamos encabeçar uma campanha para assegurar o direito de meia-entrada em PituAÇO... o Bahia precisa ter sensibilidade e ver que estamos colaborando... MAS NÃO VAMOS SER EXPLORADOS!!

24 comentários:

Vinícius disse...

A diretoria do Bahia teria se justificado ontem dizendo que o preço dos ingressos é 40 reais, sendo a meia 20 reais. Mas que o Bahia faz a promoção para que todos paguem a meia entrada. E que, por isso, não haveria razão deles diminuirem o custo para as crianças. Segundo eles, o pai + a criança pagariam 60 reais (40+20), mas que com a promoção, pagam 40 reais.

Disseram, ainda que não podem, por lei, cobrar meia da meia para as crianças. Só assim os ingressos poderiam cair para 10 reais.

E disseram que, para os ingressos continuarem a 20 reais promocionais, o Bahia tem que declarar que o ingresso custa 40 reais. Senão, o Bahia teria que cobrar 20 reais inteira e 10 meia. Não só a criança pagaria esse valor, mas também outros estudantes e menores de até 18 anos, o que diminuiria em muito a renda do Bahia.

NÃO É MINHA OPINIÃO NÃO. SÓ ESTOU REPASSANDO AS JUSTIFICATIVAS DA DIRETORIA.

Abraços

Anônimo disse...

A informação a respeito do preço do ingresso não esta correta. O ingresso custa R$ 40,00 e a meia R$ 20,00. Como promoção o Bahia liberou a meia para todas as pessoas sem a comprovação da carteira de estudante.
Tenho um filho de 9 anos e acho que a gratuídade traz prejuízos ao clube.
Na minha opinião muito desse blá, blá, blá que esta acontecendo é em virtude da imprensa esportiva SUJA da Bahia tentar denegrir a imagem da nova gestão do Bahia.

Umbôra Bahêa!!!!!.

Paulo Sérgio

Anônimo disse...

vAMOS TIRAR ESSA CORJA JÁ DO BAHIA
FORA TIRIRICA
FORA PC
MARACAJÁ AGORA É A SUA VEZ
VOLTA MARACAJÁ
INGRESSO A 20,00 É ROUBO
FORA PC , FORA PC, FORA PC JÁ

zé gotinha disse...

concordo com euclides, há que se achar um meio-termo para que não deixemos esse momento de soerguimento do nosso "glorioso" clube passe sem a presença dessa (importante) nova geração, tão carente de títulos.

Charles Bronson disse...

Não a essa exploração!!

Mônica disse...

Acho que ceder gratuidade para as crianças abre-se um precedente... As coisas não são tão simples assim. Concordo com Paulo Sérgio, e além do mais essa é uma situação momentanea onde o clube passa por sérias dificuldades financeiras e ele sabe que pode contar com a torcida. Claro que acho mais justo que criança não pague o mesmo valor de ingresso que um adulto, mas diante das circunstâncias acho compreensível (mas, no caso sendo uma situação temporária, volto a frisar).

SOY LOCO POR FUTEBOL disse...

Novidades do mundo da hipocrisia. A turma da Canabrava resolveu aumentar o valor dos ingressos seguindo o mesmo esquema do tricolor. Agora nas partidas da Copa do Brasil e do Brasileirão e nas semifinais do Baianão, quem for assistir os jogos (se é que tem torcedor pra isso), irá pagar R$ 80,00 para as cadeiras e R$ 40,00 para as arquibancadas (preços de inteira). Levando em consideração que nos dois jogos em Pituaço, eles nem levaram metade do que o Bahiaço leva de público, aí sim, veremos quem são as testemunhas fiéis ao time de Canabrava

Jeremias Cerqueira disse...

É polemico.
Os valores realmente estão muito além do que era praticado aqui na Bahia desde a década de 90, isto é fato; mas, infelizmente os reajustes têm procedência.

A questão das crianças é outra polemica.
Bem verdade que uma criança com até 5 anos poderá se sentar no colo do pai ou da mãe, desta forma, não ocuparia um 1 lugar para um torcedor pagante.
E as crianças acima de 5 anos muito provavelmente irão ocupar um assento individual.
Como foi dito em entrevista, “a decisão do nosso presidente é uma decisão antipática, porém necessária”..

Acredito que este BAvi do domingo (22), servirá como parâmetro para decisões futuras, entretanto, esta decisão provavelmente deixará marcas nada agradáveis.

Agora, sinceramente o site do Oficial do Bahia deveria ser uma ferramenta de comunicação mais efetiva com a torcida do Bahia, nós merecíamos uma explicação mais clara, afinal de contas o clube precisa ter sua torcida mais próxima, assim como eu falei com relação aos seus funcionários de “chão de fábrica”.

Agora diz uma coisa, hoje no Esporte Clube Bahia não há nenhuma ferramenta que possamos utilizar para repassar nossas sugestões ou criticas?

Euclides Almeida disse...

Não é possível que alguém acredite de verdade que o ingresso custe R$40,00 e a meia é R$20,00 e o Bahia está sendo bonzinho e colocando meia para todo mundo!!!!!!!!!!
Pelo Amor de Deus, cadê os orgãos de fiscalização dessa terra???

Segundo a lei nº 10.029 de 26 de abril de 2006... no parágrafo 3:

§ 3º - Em caso de preço promocional, fica também assegurado o pagamento de metade do valor efetivamente cobrado para o ingresso.

Não existe isso de meia para todo mundo!!! Isso é uma forma de burlar a lei. Conforme parágrafo acima da lei 10.029, mesmo em caso de preço promocional a meia não pode deixar de existir!!!!!!

A torcida já está ajudando muito. Estamos pagando um ingresso 100% mais caro do que estávamos acostumados e ninguém está reclamando, pelo contrário, estamos enchendo os cofre do clube para ajudar... mas, pera lá!!!!!

Eu mesmo não poderei levar meu filho em todos os jogos como eu faço quase sempre... ele vai ficar em casa vendo Flamengo, Palmeiras, etc....

Marcão Tricolor disse...

Acredito que em jogos de grande expressão, onde realmente há o risco de esgotamento dos ingressos postos à venda, é compreensível a cobrança de ingressos para as crianças.

No entanto, em jogos sem expressão, ou naqueles em que a expectativa de público é inferior à capacidade do estádio, acho lógica a entrada franca das crianças até 12 anos.

A nova geração de torcedores, estão começando a acompanhar futebol agora, e estando afastadas do estádio, ou vão torcer para os times do sul, ou irão pro barradão entrar de graça com os amigos rubro-negros e virarem torcedores do vitoria.

Mais uma vez repito: QUANDO ESTAS CRIANÇAS QUE NÃO PAGAM QUEREM IR PRO JOGO, NECESSARIAMENTE PRECISAM IR ACOMPANHADAS, LOGO O BAHIA TEM GARANTIDO 1 INGRESSO.

Já tendo que pagar, estas crianças não irão, e por consequencia, o acompanhante também não irá. Resultado: NENHUM INGRESSO VENDIDO.

Concordo com Jeremias. É NECESSÁRIA A ATUALIZAÇÃO CONSTANTE DO SITE OFICIAL. Lá é o local correto para a divulgação de informações do clube.

Anônimo disse...

Se permanecer a gratuidade, o Club só podera colocar a disposição no máximo 27.800, fora diso pode ser punido por super-lotação, aliá como está na eminencia de acontecer com o Vitória que colocou 35.000 ingressos à venda e vendeu tudo, resultado tinha tanta gente nas arquibancadas que um salto quebrado de uma madama rubro-negra povocou um efeito dominó e 32 ficram ferido. Por conta disso o rubro negro só poderá bora à venda agora no máximo 28000.

Delson Alcantara disse...

Concordo plenamente com Euclides, o que o Bahia esta fazendo nada mais é que burlar a lei, aceitamos passivamente porque sabemos das necessidades do clube, mas cobrar preço igual para crianças acho um absurdo. Acho que deve-se cadastrar os torcedores mirins e estabelecer uma cota de 10% para a cobrança de metade da metade ou a não cobrança. Sr. PC aqui não é o vice e não aceitamos desmandos e atitudes alheias a torcida. Sr. MG Filho põe a cara na tla e explica isso para a torcida afinal o presidente é o sr.
Saudações Tricolores!

júnior disse...

Pessoal, acabei de chegar da Sede de Praia tricolor. O Bora Bahêa está "bombando". Muita gente se associando. (R$ 600,00 + R$ 15,00 da carteira)
10 x no Hipercard
6 x Master, Visa
Direito a 1 camisa oficial

Se filiando até amanhã, o torcedor já terá acesso aos jogos desta semana (Potyguar e uvice).

ST e BBMP!

PS: Não vamos dar espaço para as testemunhas do time do aterro sanitário frequentar o jogo de domingo. Pituaço 100% tricolor.

Augusto ( FBDC ) disse...

A grande questão p mim é a capacidade de pituaçu. O nosso estádio apresenta uma organização diferente da nossa fonte, ele é todo separado por cadeiras o q dificulta aquele famoso comentário " APERTA Q DÁ ", infelizmente essa história têm 2 lados. Concordo q cobrando p crianças de 5 anos afasta a família dos estádios, por outro lado vi muita gente falando que teria q cobrar mesmo pq um pai q leva 3 filhos, sobrinhos etc acaba tomando o lugar de quem pagou.
Na minha opinião o q deveria ser feito é um aumento nessa idade limite, 5 anos tb é demais!!!Mas acredito q essa decisão foi tomada principalmente pelos dois jogos q estão por vir, jogos de casa cheia.Logo o BAHIA queria aproveitar essa oportunidade. Queria deixar bem claro q acho o ingresso caro p realidade do baiano e o time q temos, mas aproveitam do nosso amor pelo time e fazem da pior maneira. Pode até ser um momento de recuperação p o time ,q mais uma vez esteja precisando da torcida mas ninguém é trouxa. Queremos dialogar, aqui n existe rei, imperador etc... nada disso, queremos um canal aberto para dialogar e chegarmos a um denominador comum.A torcida paga, comparece e até então nada em contrapartida n poderia acontecer uma açaõ de marketing nos jogos com premiações etc...Poxa n queremos muito, apenas queremos nos sentir valorizados tb.
Abraço

Moura disse...

Estou com Euclides, é necessário encontrar-se um meio termo.
O Pai ou casal que possui 2 filhos nessa faixa de idade terá que desembolsar a cada jogo R$80,00(campeonato Baiano), no Campeonato Brasileiro R$120,00.Fora as despesas dentro do estádio(Laches, refrigerentes, etc.)
Poderia se criar um ingresso especial para a criança até 12 anos cobrando 50% do valor cobrado para o adulto.
Vale lembrar que a presença da criança no estádio é um investimento.
Não acredito que a receita que deixaria de entrar nos cofres do clube comprometesse a gestão por um todo, considerando que existem outras fontes de receita. Entretanto acredito que seria uma medida muito mais simpática e de parceria com o torcedor.

Taís Martorelli disse...

Junto com o Sempre Bahia, fiz um post no meu blog, relatando esse absurdo. Cunhado, dei até um nome: "EU QUERO LEVAR MEU FILHO"! Em homenagem a um post seu.
Imperdível!!! Participem dessa campanha!
Quem manda no BAHÊA é a torcida tricolor.
Participem da enquete ao lado, dependendo do resultado, o Sempre Bahia junto com a torcida tricolor, pode até conseguir um acordo...quem sabe?
A união faz a força!

Bora BaHÊAAA!

Anônimo disse...

Euclides, concordo com você até certo ponto, mas cabe uma análise mais profunda sobre o assunto. Eu acho que esse papo de que a torcida dos "pombos sujos" esta crescendo nessa faixa de idade (infantil|) eu tenho a minha dúvida, pois se esta crescendo fica a pergunda: AONDE ESTA AS CRIANÇAS POMBOS SUJAS?. O estádio continua vazio durante os seus jogos.
O meu filho é Bahia por minha causa, pois eu sou graças a DEUS um exemplo para ele, e acho que muitos tricolores são assim.
Precisamos ajudar o Bahia nesse momento de reconstrução.

Paulo Sérgio

Euclides Almeida disse...

Mas já estamos ajudando o Bahia nesse momento, estamos pagando o ingresso de R$ 20,00 em plena fase classificatória do Baianão e ainda sem direito a meia-entrada.

O que questiono é a falta de diálogo... as coisas não podem ser impostas como Paulo carneiro fazia no Vitória. Isso eu não aceito.

Meu filho estava doido para ir ao seu primeiro BA x VI, mas já vi que não irei levá-lo... Para eu ir com meu filho e minha esposa ao terei que gastar R$ 90,00 de ingressos...

Vinícius disse...

É realmente uma questão complexa e, sinceramente, eu fico confuso com tudo isso.

Olha minha gente, acho que estamos avaliando por um lado. Não queremos que as crianças paguem o mesmo valor que a gente porque somos adultos. E tomamos isso como base.

Mas isso é complicado. Eu não sei o que pensar de fato. Não acho justo também as crianças que não pagam tomarem os lugares de quem paga para assistir.

E por outro lado, se a criança tiver direito a pagar 10 reais, então todos os estudantes, seja menor de 18 anos ou universitários, todos terão direito a pagar 10 reais também. E isso seria um prejuízo para o Bahia terrível.

O fim de uma polêmica iria gerar outra. A imprensa tá doida por isso. Eu sei que é duro, mas entendo que o Bahia precisa de um apoio financeiro nesse momento. Nosso time deve muito galera.

Vinícius disse...

Acho inclusive que se essa história for muito longe, o Bahia ao invés de reduzir o ingresso para os estudantes, vai é aumentar a inteira para 30 ou 40 reais e cobrar 15 ou 20 reais na meia. Vai ser pior para todo mundo.

O Bahia não vai querer perder sua maior fonte de renda.

Mônica disse...

Vinícius, tô com você! Como sempre, seu pensamento é sensato.

Anônimo disse...

Vinísius o recíocinio épor aí.
Todos criticaram quando o Bahia colocou o ingresso 40,00 e 20,00, agora os POMBOS SUJOS DE CANABRAVA estão fazendo a mesma coisa e ninguem fala na imprensa SUJA.

Chega de pessoas hipócritas com microfone na mão.

Paulo Sérgio

Vinícius disse...

Alguns acham que o fato de crianças até 12 anos não terem pago no barradão pode ter sido a causa da superlotação no primeiro BAVI do ano.

Talvez seja por isso que o Bahia esteja fazendo essa política de crianças pagarem.

Marco Simões disse...

Eu por enquanto ainda posso levar meu filho, pois ainda tem 3 anos. Mas acho que esta medida no mínimo deveria ser discutida com a torcida. Usassem enquetes no site oficial ou outros canais para ter uma noção da opinião geral da torcida. Afinal, isto também é democracia. Além de votar para presidente, também queremos ser ouvidos quando o assunto nos afeta diretamente. Penso que a gratuidade (ou quase) do acesso de crianças até 12 anos deve ser mantida. Tem a questão dos assentos, colocada por MGF que está correta. Mas isto poderia ser resolvido cobrando um valor simbólico (p. ex.R$ 1,00) por cada criança ate 12 anos. O valor seria pago e estaria embutido no código de barras do ingresso do adulto que levaria as crianças (assim não teria o custo de gerar mais um ingresso para a criança). Quando o ingresso fosse colocado na catraca eletrônica exibiria no visor quantas crianças adicionais constam do ingresso (já acontece assim para que compra ingressos no cartão Visa pela internet). Seria uma solução viável que atenderia a todas as justificativas colocadas por MGF e não oneraria tanto as famílias tricolores. É possível resolver o problema de forma menos antipática, com certeza !