sábado, 7 de fevereiro de 2009

Bahia só depende de Marcelo para atuar com time titular



















PREPARATIVOS PARA O CLÁSSICO

De fora da goleada frente ao Atlético na última rodada, Élton treinou normalmente nesta sexta-feira, à tarde. isso significa que o volante deve retornar ao time que enfrenta o Vitória amanhã.

Já o goleirão Marcelo, com uma entorse no tornozelo, está numa situação complicada.

O técnico Gallo vai ter que esperar pelo departamento médico até momentos antes da partida para saber se pode contar com Marcelo e definir a equipe.

Caso o arqueiro titular não tenha condições, a responsabilidade cairá nas mãos (literalmente) de Fernando que tem boas recordações do Barradão, pois numa partida válida pelo Brasileirão do ano passado, Fernando defendia o Ipatinga e foi o principal responsável pelo empate sem gols daquele jogo.

O técnico Tricolor preferiu não realizar mais um coletivo para não desgastar os jogadores. Segundo Gallo, o tempo de recuperação do atleta após um jogo deve ser de 48 horas e o Bahia jogou nesta quarta-feira. Ele orientou apenas um treino tático, que vem ganhando o espaço dos tradicionais coletivos e a resposta estamos acompanhando em campo, com um Bahia cada jogo melhor posicionado.
A provável equipe titular, que vai em busca da liderança do campeonato, é a seguinte:

Fernando (Marcelo);
Patrício, Alison, Nen e Rubens Cardoso;
Leandro, Élton (Léo Medeiros), Hélton Luiz e Ananias;
Beto e Reinaldo Alagoano.

Foram colocados 35 mil ingressos à disposição do torcedor, a carga máxima do estádio. Até o início da noite desta sexta-feira, 14 mil ingressos já tinham sido comercializados. A arquibancada inteira custa R$ 20 e R$ 10 é o preço da meia-entrada, que será vendida apenas no dia da partida a partir das 14h, nas bilheterias do Barradão.

10 comentários:

Anônimo disse...

Mancini declarou: “Este tabu de não vencermos aqui será quebrado, sim..."

Cuidado Mancini, o goleiro Filipe do corinthians se fudeu no ano passado viu!

Dalmo Carrera disse...

Para o goleiro Marcelo atuar depende do departamento médico. Eu dependo desta decisão para saber se vou ou não ao Barradão. Ele jogando não vou. Ele fora nós iremos. Posso perder duas entradas já compradas. Uma minha, outra para a mulher que me atura de meio-expediente. Agora com a presença do Marcelo em campo prudente e experto vou evitar colocar meu casamento em risco. Mas tô ligado no Bahia.

Mônica disse...

Dalmo...kkk
Não o conheço mas suas participações aqui no site são indispensáveis, pelo senso de humor e inteligência ímpares...rs. Essa do Marcelo foi hilária...kkk.
Não vou ao Barradão, confesso, por temer violência, etc. Mas, no próximo jogo em Pituaço estarei lá. Pra mim Bahia 2 x 1.
Valeu!! Bjo!

Tiago Enrique disse...

Dalmo,
Quer um conselho?
Se Marcelo voltar para o gol, mesmo assim não vá pro Barra-Lixo.
Você vai ficar todo infectado.

Charles Bronson disse...

Eles vão quebrar o tabu?

Vão é tomar... um ferro!! Hahahaaha

Rui Carvalho disse...

Não sei exatamente porque, mas, estive em Pituaçú no jogo contra o Atletico, depois disso, me convenci. Não mais vou ao Barradão. Até porque fui a Pituaçú praticamente carregado, já que ainda me ressinto da cirugia recente e nem que quisesse daria pra enfrentar aquela turba nos arredores do lixão além das escadarias desproporcionais de um estadio mau projetado.

Taís Martorelli disse...

Já eu, Rui, nunca fui, não vou nesse jogo, nem nunca irei naquela pocilga!!

Aos que irão, por favor, vão em paz e voltem em paz. Brincar e zoar os torcedores adversários é saudável, mas violência NÃO!!!

E vumbora BaêêÊÊAAAA!!

Taís Martorelli disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

O Alisson é oportunista e vacilão da defesa. Depois que ele largar um barro daqueles a torcida vai cair na real.

Anônimo disse...

O Alisson é oportunista e vacilão da defesa. Depois que ele largar um barro daqueles a torcida vai cair na real.