sexta-feira, 31 de outubro de 2008

3 zagueiros pra variar

O Bahia vai pra Bragança Paulista com: Darci; Alison, Rogério e Marcone; Luciano Baiano, Fausto, Emerson Cris, Caio e Ávine; Jones e Marcelo Ramos.

Mesmo já tendo ficado mais que evidente que essa formação não levou o time à lugar algum, o técnico Ferdinando Teixeira insiste com 3 zagueiros... fazer o que, né? A gente só tá cumprindo tabela (Deus ajude...) mesmo...

O que esperar, torcedor tricolor?
Nada... absolutamente NADA!!

Peguem seus surrados radinhos de pilha, seus celulares com rádio FM, seus computadores conectados à internet ou suas TVs e, independente do meio utilizado, torçam pelo melhor para o baêêêêaaaaa, minha nisgraça!!!

A diferença entre torcedor e cronista esportivo é essa...

4 comentários:

Rafael Kafka disse...

O problema não está em ter 2 zagueiros e um líbero, Rogério, as pessoas insistem em falar em 3 inexistentes zagueiros, o problema está em escalar jogadores com Luciano Baiano, Emerson Cris e Jones que já deveriam ter sido dispensados há muito tempo ao lado de Cléber Carioca e Cia.

Jogar em linha, no triste 4-4-2, é suicídio.

Anônimo disse...

Acho que o que menos interessa agora é a formação do Time. O Bahia precisa é de seriedade dentro e fora dele e isso não é possível neste momento.

Pedro Cordier disse...

É, rafael... nem sei o que é pior...

Euclides Almeida disse...

O time que joga com tres zagueiros é porque quer deixar os laterais mais livres para apoiar, ou seja pode ser uma opção interessante para deixar o time bem ofensivo sem descuidar da defesa, mas isso quando tem dois bons laterais...