segunda-feira, 14 de julho de 2008

VITÓRIA NEGA O BARRADÃO MAIS UMA VEZ



O governador Jacques Wágner acabou de ouvir um NÃO dos diretores rubro-negros Jorginho Sampaio e Alex Portela quanto ao aluguel do Estádio Manuel Barradas para o Esporte Clube Bahia. De nada adiantou a proposta de fazer melhorias no sistema viário de acesso e no estacionamento da praça esportiva. Segundo os dirigentes, “ceder o Barradão ao Bahia seria uma indisposição com os torcedores rubro-negros”...
O encontro aconteceu na Governadoria e contou com a presença do Governador Wágner e o Chefe de Gabinete Fernando Schimdt, além dos já citados dirigentes rubro-negros.
Fonte: Bahia Notícias / Samuel celestino

12 comentários:

Anônimo disse...

Que papelão... mendingando LIXO...

CADA VEZ MAIS SÓ TENHO ÓDIO DESSES MERDAS QUE ESTÃO ACABANDO COM O BAHIA...

POR MIM, A INVASÃO ERA PRA QUEBRAR A PORRA TODA!!!

Bernardo Sotero Cortizo disse...

Não sei por que o vice tira essa onda toda, o lixão foi construido pelo governo do estado (na epoca ACM) as torres de iluminação pela prefeitura (a epoca Imbassahy) e por ai vai, se fizesse uma longa investigação iam descobrir facil-facil que essa merda do lixão nada mais é do que um estadio publico que foi doado para o vice, como chantagem politica do grupo elitista detentor de capital que são os donos do vice!!!tudo balela!!!!

Anônimo disse...

AINDA BEM QUE VCS TOCEDORES DO DO JAHIA DE ITINGA OU DE FEIRA SEI LÁ DE ONDE ACHAM O BARRADAO LIXAO, POIS LÁ VCS NAO ENTRAM POBRES MENDIGOS.

Anônimo disse...

E TORCEDOR DA JAHIA É TUDO NPOBRE MENDIGO DESDENTADO FAZEMOS PARTEDA ELITE DE SALVADOR NAO NOS MISTURAMOS POSCOS VANDALOS.

Anônimo disse...

TENTE QUEBRAR O Q NAO TE PERTENCE VAI PRESO SEU VANDALO MALUCO

Augusto ( FBDC ) disse...

Temos q reconhecer o esforço q o Governo vêm tendo p ajudar o Bahia.
Temos q nos lembrar q estamos nessa situação por causa da nossa diretoria incompetente e mercenária q insiste continuar na frente do esquadrão de aço, q n conseguiu construir nada de patrimônio p o clube. Possui duas situações:
1º) O vitória têm todo direito de negar o barralixo ( O estádio fooi dado a eles ), podem fazer o q quiserem de preferencia enfiem no c..., Pituaçu vem aí pode demorar mas vai sair. Quem tá por cima hj , amanhã pode tá por baixo.
2º) N acho certo o governo pegar nosso dinheiro, pois somos contribuemtes diretos deles com o pagamento de nossos impostos e empregar essa soma em melhorias no nas vias p o barralixo ou reformas naquela podridão. O dinheiro têm q ser utilizado em obras públicas, na construção de escolas, postos de saúde, etc...
Dessa forma condeno a proposta do governo nesse sentido de melhorias no barralixo, faço questão de continuar indo p Feira do q ver isto acontecer.
Dinheiro público é p ser gasto com responsabilidade e n dessa forma!!!
Abraço Euclides, semprebahia cad dia q passa melhor.Posso dizer q na minha opinião já é o melhor site entre todos q existem.

Anônimo disse...

O problema do ECBahia não está no seu mando de campo,o ECBahia precisa de um elenco que motive a sua torcida a ir onde o ECBahia estiver.Não esqueçam que os incompetentes que dirigem o ECBahia tiveram mais de cinco meses para planejarem de que forma o ECBahia iria substituir as receitas referentes a vendas de ingresso para seus jogos pois,o nosso mando de campo estava suspenso por sete partidas até agora só jogamos cinco partidas com mando de campo nosso logo o ECBahia ainda está no lucro independente dos valores arrecadados nesses jogos em Feira de Santana,essa receita já estava perdida na sua totalidade,só apartir da 16ª rodada e que eles(os incompetentes)poderam fazer cálculos de prejuizos.

Anônimo disse...

Agora, revive-se tudo outra vez feito a música de Isolda. Sim, "vice", vocês foram o melhor dos meus fregueses, de todas as vitórias, e a que eu nunca esqueci. Parafraseando Isolda, como um velho caso de amor em que a mulher confisca todos os bens do marido deixando-o de pires na mão e sem teto, o Bahia e o Vitória são protagonistas de uma verdadeira novela.O Vitória que antes parecia sempre com um pires na mão a implorar ao Bahia sua entrada no clube dos treze, como também nos idos da velha taça de prata pedia ao Bahia para interceder junto a CBF, agora deu seu grito de independência. Seu grito de independência é o Barradão. Barradão é o seu amante. Amante rico que apareceu durante o carlismo na Bahia.Enquanto isso, o Vitória que parecia freguês habitual e acostumado com sua posição de segundo lugar no coração dos baianos, dá a volta por cima no Bahia. Humilhando-o em praça pública. Fazendo-o parecer um velho preguiçoso e sem tesão para superar suas crises.

Maurício Moura Costa Guimarães

Anônimo disse...

Mais um capítulo dessa palhaçada! Tem que vender a sede de praia e reestruturar o Bahia para mostrar parao canabrava quem manda.

Dalmo Carrera disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Dalmo Carrera disse...

O engraçado de tudo isto é que neste período de humilhação a que estamos submetidos não ouvir uma palha dos diretores do Bahia acerca de algum projeto, de algum estudo, de alguma parceria que vise ou ao menos a simples possibilidade de sonhar na construção de uma praça esportiva, veja que digo, repito, apenas (projetos, estudos ou qq coisa neste sentido)

É tudo parado, sempre em busca das bolachas quebradas de governos, de políticos, da esmola dos homens de paletó, das trocas de favores. Veja o exemplo do pedido ao governo de sergipe onde foram lá atrás de facilidades. E estes caras que ai estão não tem condições de administrar uma casa de prostituição de relativa qualidade que ultrapasse os limites da ladeira da montanha. As humilhações que estamos passando somos merecedores, ao menos quem dirige o Bahia merece isto e muito mais.

Anônimo disse...

Desde o inicio não concordei com a proposta do Governo - já basta de receita de impostos, arrecadados do contribuinte, para colocar numa coisa que não leva a nada. Aquilo alí, todo mundo sabe que foi uma ilegalidade. Na época,como saída, falava-se em convênio para atender a comunidade local, como desculpa. Tá provado que nunca funcionou e onde estava o TCE que aprovou as contas do então J. Durval? E TCM, com obras feitas pelo Sr. Imbassay?
UMA EXCRECÊNCIA!
O governo quer fazer alguma coisa? Tem uma opção: Usar o Vale Show nos Jóia - 20 mil ingressos por jogo! Com as NF exigidas, menor sonegação, maior arrecadação, ativava o público do interior e os benefícios para comunidades locais, via ONG's legalizadas no SEFAZ, investindo nos projetos de Inclusão Social.
É só viabilizar!